Vamos a factos sobre o estado dos WC, quartos de banho, casas de banho, lavabos ou o que lhe queiram chamar?

Cerca de 700 milhões de pessoas não têm uma toilette decente. E isto dentro de cidades.

100 milhões deste total têm mesmo de optar por locais ao ar livre ou onde aperta a vontade. Parte delas, com alguma noção, usa sacos de plástico que esvoaçam pelas ruas a que chamam “WC voador”.

A Índia, com 157 milhões de habitantes urbanos sem acesso aos serviços básicos, encabeça uma lista de horrores causadores de poluição e doenças graves. Imaginam um local em que 41 milhões de aflitos não têm solução a não ser a rua defronte à casa ou trabalho?

Este alarme foi dado pela organização mundial que trata desta problemática que também tem um dia comemorativo (se é que isso se pode dizer) intitulado World Toilet Day e o que me fez escrever este post é o trabalho da artista parisiense Anastassia Elias que foi escolhida para nos alertar sobre estas condições inumanas. Ela escolheu construir cidades dentro de rolos de papel higiénico e é um trabalho de cortar a respiração… desta feita por bom motivo.

 

 

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts