A LG surpreende uma vez mais com a gama W das novas OLED TV


A primeira vez que vi uma TV como papel de parede foi, salvo erro, no filme Total Recall, ou seja, Desafio Total em mais uma estrondosa e criativa tradução para português. Arnold Schwarzenegger era o marido da Sharon Stone e viviam num apartamento cuja sala tinha paineis que se convertiam em televisores.

Passaram uns anos sobre a futurologia que Paul Verhoeven realizou em 1990 e, finalmente em 2017, a LG apresentou ao mundo a sua Wallpaper TV, ou seja, uma “TV papel de parede”. E está lá muito perto.

Este novo televisor 4K LG OLED W7 integra Picture-on-Wall Design, Active HDR e tecnologia de som Dolby Atmos e já venceu o prémio Best of Innovation no CES 2017.

 

O design inovador do LG OLED W7 segue a filosofia da LG de que menos é mais (Less is More) e dá um destaque particular ao ecrã. O perfil fino da LG OLED W7 faz com que pareça que o televisor levita no ar, transmitindo uma ainda maior sensação de imersão.

Neste modelo, o painel OLED é colocado directamente na parede através de suportes magnéticos, evitando espaços indesejados entre o televisor e a parede, a espessura final depois de instalado na parede é inferior a 4mm. A sensação de imersão é completada pelas colunas e pela tecnologia de som Dolby Atmos, a primeira vez que este sistema de som é integrado num televisor.

Equipado com a última versão da plataforma de Smart TV, o webOS 3.5, os utilizadores não terão dificuldade em aceder a conteúdos premium HDR online, como por exemplo os conteúdos Dolby Vision disponíveis na Netflix.

O sistema webOS 3.5 tem um conjunto de funcionalidades inovadoras, a partir da barra colorida onde estão todas as aplicações e funções – o Launcher, o utilizador pode aceder a um mundo de entretenimento com aplicações e jogos. Em 2017 suporta os recentes conteúdos 360º VR, tudo muito fácil de utilizar com o telecomando por movimento, o Magic Remote, que além de controlar o OLED TV pode ainda controlar também outros equipamentos ligados ao TV, como por exemplo a box do operador de TV e assim tornar mais simples e cómodo o dia-a-dia na sua sala de estar.

 

“Com a Dolby Vision e a Dolby Atmos integradas nos nossos novos OLED TV 4K, os espectadores vão conseguir reproduzir a magia do cinema em casa e os seus filmes favoritos com a clareza original, profundidade e imaginação intactos”, disse Brian Kwon, presidente e CEO de Home Entertainment, da LG.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts