A TP-Link aproveita a tendência do 10 Year Challenge que se vive atualmente nas redes sociais para fazer um balanço do que foram os últimos 10 anos no que respeita a redes sem fios.

A marca orgulha-se de fazer parte de uma história cheia de inovação e de tecnologia de vanguarda.

Uma história conectada

No ano de 2009, o standard de ligações Wi-Fi era o 802.11n e o acesso a redes wireless tornava-se num argumento normal dentro das empresas e em nossas casas.

Este standard permitia uma velocidade de até 150Mbps, mesmo que alguns equipamentos suportassem velocidades até aos 600Mbps.

Com a velocidade disponibilizada, os utilizadores conseguiam enviar fotografias e ver filmes com qualidade DVD, entre outras opções.

Passados alguns anos, o mercado e os utilizadores fizeram sentir um renovado nível de exigência e impuseram novos desafios no que respeita a velocidade e largura de banda.

Neste cenário, houve a necessidade de desenvolver um novo standard – 802.11ac – que trazia como principal novidade o aumento para duas frequências de transmissão.

A partir desse momento, a banda de 2.4GHz passou a contar com a companhia de uma segunda banda de 5GHz, menos congestionada e com capacidade de proporcionar um acesso Wi-Fi com menos interferências e uma velocidade superior.

Tp link Archer_AX11000

Procura-se espaço

No entanto, com o aumento dos serviços de plataformas de entretenimento online, de streaming de conteúdo e de partilha de recursos na maioria das redes, o mercado fez sentir a necessidade de acessos mais rápidos e mais estáveis, capazes de processar grandes volumes de dados e de ainda assim assegurar uma experiência fluída e transparente de consumo de conteúdo.

Nesta conjuntura, há um novo imperativo para um renovado salto tecnológico que permita novas velocidades de acesso. O standard 802.11ax, mais conhecido como Wi-Fi 6, proporciona velocidades quatro vezes mais rápidas que o standard ac e aufere de mecanismos internos que possibilitam reduzir o desperdício do espaço radio-eléctrico disponível e que asseguram assim uma maior eficiência energética ao mesmo tempo que garantem que um maior número de pessoas estejam ligadas em simultâneo e a uma velocidade superior.

Enquanto membro da Wi-Fi Alliance, a TP-Link, reforça, passados 10 anos, o seu compromisso com o desenvolvimento de novas tecnologias.

A empresa aplica anualmente 8 por cento das suas vendas a actividades de Investigação e desenvolvimento para garantir as mais inovadoras soluções de redes.

Ao ritmo da velocidade

Este ADN permitiu, de resto, que a empresa se convertesse no primeiro fabricante a comercializar um router 802.11ad – o Talon AD7200 – e um dos primeiros do mercado a disponibilizar routers 802.11ax, ou Wi-Fi 6, nomeadamente o Deco X10, concebido para oferecer velocidades triband AX2700 e ampla cobertura de rede, e o Archer AX11000, um router de gaming triband de próxima geração já distinguido com um prémio de inovação na CES 2019.

A marca apresentou ainda o Archer AX6000, um router Wi-Fi 6 que garante 1148 Mbps na banda de 2,4GHz e 4804 Mbps na banda de 5GHz.

Um excelente exemplo desta evolução são os routers Mesh TP-Link Deco. Estes equipamentos facultam uma experiência de utilização completamente transparente, já que permitem trabalhar numa das duas bandas disponíveis, ajustando a utilização à banda que oferece uma melhor experiência de utilização no momento.

Este equipamento foi concebido para suportar aplicações de elevada exigência e funcionamento com serviços de streaming em ultra HD 4K/8K e jogos online.

A TP-Link comemora o 10 Year Challenge com orgulho do seu papel na evolução tecnológica das redes sem fios e antecipa com entusiasmo o que a próxima década poderá revelar, ciente das suas responsabilidades e assumindo o compromisso de sempre com os utilizadores e as empresas.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *