Microsoft Lumia 535 – ensaio

6 Design
6 Construção
5 Inovação
5 Qualidade
5 Factor X5
5.4

lumia-535-lancamento-no-brasil

O 535 é o primeiro Lumia da geração Microsoft. Se há grandes mudanças? Não, continua a ser um Lumia, acima de tudo, oferecendo qualidade a baixo preço e apostando, com este modelo particular, na magia do número 5.

Pois é, são 5″ de ecrã e duas câmaras de 5MP, tanto frontal como principal. Totalmente focado num consumidor mais novo e que quer dar os primeiros passos neste sistema operativo Windows 8.1, tenho de ser franco: quando o tirei da caixa pensei “olha, mais um Lumia de entrada de gama, a grande aposta core da Microsoft”, mas o tamanho do ecrã convidou-me logo a ligá-lo.

Estou muito habituado ao Windows e, como tenho repetido, gosto francamente deste S.O.. Mas também sou da opinião que é um sistema que funciona tanto melhor quanto maior for o ecrã, e um de 5″ já favorece a interacção com o indicador do utilizador, para além de permitir um maior conforto de utilização na visualização de vídeos no Youtube, prática cada vez mais corrente.

Como é normal nos Lumia, o hardware não é tão avançado como o que encontramos nos modelos Android que lhes competem directamente, mas como o sistema WP é muito mais leve, tudo corre na perfeição exigindo menos recursos. Por isso, não façam má cara quando lerem as especificações que são um processador quad-core Qualcomm Snapdragon 200 a 1.2GHz com 1GB Ram para 8GB internos.

Lumia-535-hero1-jpg

Com 960 x 540 pixels de resolução, não se pode exigir o mundo, mas ultrapassa muitos concorrentes directos e, para o preço, é bastante positivo. Se os menus windows apresentam uma imagem super nítida com cores vivas, essa qualidade diminui na reprodução de vídeos e fotos, sendo tudo um quanto mais baço e sem tanto detalhe. Mas para as funções do dia a dia, com as aplicações “tradicionais”, tudo corre muitíssimo bem.

Falando em apps, continua a ser o calcanhar de Aquiles do Windows Phone, se bem que a loja tenha vindo a conhecer um incremento positivo, vemos por aí “nas publicidades” que isto ou aquilo está sempre disponível para Android e iOS, esquecendo esta terceira plataforma. Mas algo me diz que esta realidade vai mudar.

O 535 dá nas vistas, como qualquer Lumia. Estas recentes capas de plástico em tons vivos são fáceis de substituir, o que permite, a quem anda mais na moda, condizer o telefone com uma peça de roupa… se bem que seja difícil encontrar um verde ou laranja tão fluorescentes. A capa tem mesmo de ser retirada para inserirmos o SIM e o cartão microUSB (com até 128GB), o que convem, pois a memória de 8GB de origem depressa é esgotada.

De resto, tudo normal, com as fichas 3,5mm para auscultadores e o microUSB para carregamento, e os três botões tradicionais no lado direito (se voltado para nós).

O 535 vem equipado com a mais recente versão do sistema operativo Windows Phone 8.1, denominada Denim. Permite a criação de pastas, apresenta mais e melhores notificações, podemos escolher uma imagem de fundo (ambora fique sempre recortada pelos mosaicos dinâmicos) e tem melhorias gerais em relação às versões anteriores. Visualmente interessante é o ecrã inicial que pode mostrar algumas informações úteis sem obrigar a entrar no sistema e as quais são personalizáveis.

Podemos perguntar coisas básicas à assistente pessoal Cortana, mas é uma função que ainda está a dar os primeiros passos, embora entenda muito bem o que lhe sussurramos.

Nem tudo é um mar de rosas. O que menos me agradou foi o ecrã táctil que, por diversas vezes, me obrigou a repetir algumas letras nas SMS ou no chat. Poderia ser um pouco mais responsivo. A câmara traseira com apenas 5MP também não faz milagres. Mas, por outro lado, os mesmos 5MP frontais já garantem umas belas #selfies.

PVP livre: 139€

 

 

 

 

Tags from the story