27918061663_19f2be2872_z

O que têm em comum a praia, os bikinis/calções e a tecnologia? Muito mais que pensamos! Imaginem que o nosso fato de banho comunica com os nossos haveres e , ainda por cima, nos alerta para os efeitos nocivos do sol. A isso a Vodafone chama “Smart Summer“, a sua nova campanha que tem como base a tecnologia da Internet das Coisas.

A partir de 2017, os nossos pertences comunicarão entre si e nunca mais vamos perder o nosso guarda-sol quando regressarmos da esplanada. E mais, como vão ter sensores embutidos, ajudarão os utilizadores a protegerem-se contra os raios ultravioleta (UV) e a manter a segurança das crianças na praia.

O biquini e os calções de banho estão equipados com sensores UV que detectam a exposição aos raios solares ao longo do dia. A aplicação para smartphone notifica o utilizador quando este estiver demasiado tempo exposto à luz ultravioleta. Os fatos de banho incluem ainda um pequeno dispositivo na cintura e nas alças, que vibra como alerta.

O chapéu ‘Smart Summer’ para crianças contém um sensor UV, um dispositivo de localização de baixo consumo e um cartão SIM da Vodafone que envia um aviso para o smartphone dos pais quando a criança se afasta para além da distância pré-definida.

A mala ‘Smart Summer’ tem incorporada tecnologia de localização que permite ao proprietário encontrar a bagagem perdida através do seu smartphone.

 

O Director de IoT do Grupo Vodafone, Erik Brenneis, sublinha: “O conceito ‘Smart Summer’ da Vodafone ilustra como a Internet das Coisas tem o poder de redefinir cada aspecto do nosso quotidiano. Empresas de todos os sectores têm vindo a adoptar as tecnologias IoT, que consideram essenciais para o seu futuro. O lançamento de uma nova rede IoT de banda estreita elevará esta extraordinária revolução a um novo patamar”.

28456334241_57ab666f96_z

 

Como é que funciona a tecnologia?

Os artigos ‘Smart Summer’ combinam métodos de localização e dois meios de comunicação distintos. A tecnologia Bluetooth de baixa potência permite uma monitorização próxima, indicando ao utilizador a proximidade da criança ou da mala com a ajuda de representações gráficas de ‘quente’ ou ‘frio’ na aplicação do smartphone.

A triangulação entre as estações de base móvel GPS e GSM é utilizada em paralelo para a monitorização a maior distância, assinalando a localização da criança ou da mala desaparecida num mapa no smartphone. Todos estes meios são apoiados pela rede global líder mundial IoT da Vodafone, da que já dependem vários sectores.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts