Agora que a Huawei está em terceiro lugar no top global de vendas de smartphones e começa a pisar os calos tanto da Samsung quanto da Apple, todas as atenções estão concentradas no futuro modelo Huawei P10 que tem uma enorme tarefa pela frente, ultrapassar os 10 milhões de unidades vendidas do actual P9.

Então, o que se espera no novo modelo? Numa real possibilidade de ser apresentado já no final de Fevereiro durante o MWC 2107 em Barcelona (onde será apresentado o novo Matebook 2 que deverá ser vendido em Portugal) e um novo smartphone de gama média), antecipa-se o lançamento de dois modelos (à semelhança do que tem acontecido com os mais recentes) e a dúvida subsiste no tipo de ecrã, se surgirá arredondado em ambos ou apenas no modelo mais caro e mais recheado. A ver pelas imagens, a grande diferença está na transferência de trás para a frente do sensor de impressões digitais, como vimos no Mate 9 Porsche Edition, mantendo-se no painel traseiro no modelo mais básico.

O ecrã poderá passar das 5,2″ para as 5,5″ QHD com 1440 x 2560 pixels na versão “Plus”. A câmara com dupla objectiva poderá também ver a sua qualidade passar dos 12 para os 16MP (o Mate 9 tem 20MP no sensor monocromático). A antena mudará para a base do terminal, a bateria poderá ser de 3500mAh e o processador será o já conhecido Kirin 960 presente no Mate 9 com duas variantes: 4/6GB RAM para 64/128GB de capacidade interna.

Tudo não passa de rumores, mas sabemos bem que, pelo menos, podemos acreditar em metade do que tem sido divulgado e estas imagens deverão estar muito próximas da realidade.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts