bown2015_recreation_zanodrone

E que tal  um drone que voa, filma ou fotografa sozinho, sem ser preciso manobrá-lo?

Foi o que meio mundo quis e a empresa Torquing Group que tinha o protótipo no Kickstarter ficou mais rica 3,4 milhões USD em apenas…. dois meses. Mas das 14.000 encomendas, entregaram apenas 600 unidades. Mas o que tem este drone de tão diferente dos restantes?

Parece que o Zano Self-Tracking Drone persegue automaticamente o nosso smartphone através de Wi-Fi, graças a um sistema que usa os dados do GPS e um sensor que mede constantemente a pressão barométrica para perceber onde está e para onde vai.

Podemos programá-lo para nos perseguir ou para ficar a esvoaçar no mesmo ponto. E o mais inacreditável é que todo este automatismo pode ser nosso a partir dos 300€. Ou poderia, pois a empresa faliu devido a questões pessoais e de saúde dos seus fundadores.

Eu também ficava com cólicas se recebesse 3,4 milhões…

 

 

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts