A verdade é que estar em frente à televisão pode ser mais apelativo, para muitos de nós, do que fazer exercício.

A pensar nisso têm surgido alguns produtos que tentam de alguma forma combinar estes dois cenários.

O Fraunhofer Institute, na Alemanha, foi mais longe e criou a GEWOS, uma poltrona com uma máquina de remar incorporada, incluindo o respectivo monitor de saúde.

Segundo o instituto, a GEWOS foi criada a pensar na população mais idosa, mas consigo imaginar um número muito alargado de pessoas a quem esta ideia pode agradar.

Afinal o que há de errado em ficar em forma na nossa própria sala de estar?

À primeira vista, a poltrona parece igual a qualquer outra e, de facto, pode ser usada como tal. No entanto, os braços podem ser dobrados para revelar os “remos” e a base permite apoiar os pés.

Os sensores embutidos na poltrona conseguem monitorizar o ritmo cardíaco, a pressão sanguínea e o peso do utilizador, analisando os dados ao longo do tempo de forma a sugerir o exercício necessário para uma vida mais saudável.

gewos

Toda a informação pode ser consultada num tablet arrumado no braço da GEWOS e usada para criar um plano de exercício diário.

A poltrona foi desenhada para pessoas idosas que não teriam outra solução para se manter em forma, sendo que a equipa de investigação testaram o produto em 100 idosos e conseguiram o primeiro lugar do ranking entre 14 produtos alternativos.

Num futuro próximo, a equipa espera adicionar elementos de gamificação para aumentar a motivação dos utilizadores para utilizar a GEWOS, que se pode revelar uma fonte de inúmeros benefícios de saúde.

 

rn02_13_g_Topic2_IIS_The armchair as a fitness trainer

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *