meo táxi 2

O serviço MEO Táxi já está disponivel em Lisboa e no Porto e permite “chamar” um táxi através de uma app Android ou iOS. Estará também disponível muito brevemente em Vila Nova de Gaia, Sintra, Braga e Póvoa do Varzim, prevendo-se a sua extensão progressiva a todo o país.

Pela app, pedimos o serviço e pelo GPS do nosso telefone, somos facilmente localizados pelo taxista (que tem de ser associado ao MEO Táxi). Podemos até seguir o percurso que ele faz até nos chegar.

Paralelamente, o cliente pode seleccionar um conjunto de condições no táxi onde irá efectuar a sua viagem e personalizar o seu perfil com nome, fotografia e até estação de rádio que prefere ouvir. Um utilizador MEO Táxi pode ser recebido, se assim o desejar, num táxi carrinha, com o ar condicionado ligado e o rádio sintonizado na sua estação preferida. Estão assim criadas as condições para ser prestado um serviço de qualidade e adequado às necessidades de cada cliente.

O MEO Táxi resulta de uma parceria com a tecnológica portuguesa Geolink, que desenvolve e comercializa sistemas electrónicos de despacho de táxis e que conta já com experiência de vários anos no desenvolvimento deste tipo de soluções.
Meo táxi 3

Com o MEO Táxi, passageiros e taxistas acedem a um conjunto alargado de benefícios:

Para os passageiros:

• Maior simplicidade, comodidade e controlo na chamada de um táxi;

• Maior conforto e qualidade de serviço;

•Maior flexibilidade na escolha das características do serviço – número de lugares necessários, táxi adequado a transporte de pessoas com necessidades especiais, ar condicionado, não fumador, predefinição da estação de rádio que prefere ouvir durante a viagem, entre outros.

Para os taxistas:

• Angariação de mais e novos clientes;

• Maior eficácia na resposta;

• Modernização e inovação do serviço de táxi;

•Aumento da satisfação dos passageiros através do aumento de flexibilidade e personalização do serviço prestado.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *