Ford Kuga diesel

Gostei muito do Ford Kuga quando o experimentei aqui para o Xá das 5. Um carrão mais para fora da cidade do que urbano, mas que será adquirido por pessoas que habitam os grandes centros. Grande, possante, com design muito conseguido e equipamento equilibrado, é um dos Fords mais apontados e admirados na rua.

Agora surge mais musculado e com mais e melhores atributos para enfrentar os próximos adversários.

Deixo-vos com o comunicado.

c.i.:

O Ford Kuga está agora disponível com um número significativo de novidades nas quais se inclui o motor diesel mais potente até à data do ‘smart utility vehicle’.

As melhorias introduzidas na gama de motores diesel e gasolina do Kuga emitem também menos CO2. O Kuga está agora disponível com mais avançadas tecnologias de série que ajudam a reduzir o consumo de combustível e a baixar as emissões, incluindo o Auto-Start-Stop e a Grelha Frontal Activa.

“A Ford actualizou a gama Kuga com versões que debitam mais potência e menores emissões. A nova cor metalizada ‘Tiger Eye’ nunca foi vista antes em qualquer veículo Ford, e o SYNC com AppLink que ajudará a garantir que os condutores podem estar mais conectados enquanto estão ao volante, ao mesmo tempo que mantém os olhos na estrada e as mãos no volante,” disse Roelant de Waard, vice-presidente, Marketing, Vendas & Serviço, Ford Europa.

O motor diesel 2.0TDCi da Ford equipa 83 por cento dos Kuga vendidos nos 20 principais mercados europeus* durante os primeiros nove meses de 2014. A Ford aumentou agora a potência máxima do motor em mais 17 cv, para 180 cv e o binário máximo passa dos anteriores 340 Nm para 400 Nm. Esta escolha de motor disponibiliza a mais elevada potência de sempre no Kuga, especialmente quando combinado com o sistema de tracção integral inteligente da Ford que é a preferida pela maioria dos clientes a nível europeu.

Entre as novidades conta-se ainda com o novo motor 1-5 EcoBoost a gasolina para o Kuga *, reduzindo as emissões de CO2 de 154 g/km para 143 g/km – uma melhoria de mais de sete por cento quando comparado com o anterior motor 1.6 litros EcoBoost **. A Ford passará também a disponibilizar uma versão do motor 2.0TDCi com 120 cv que emite 122 g/km de CO2* – uma melhoria de 12 por cento.

 

Smart utility vehicle

O Ford SYNC com AppLink permitirá agora aos condutores a activação por voz das ‘apps’, ao mesmo tempo que mantém os olhos na estrada e as mãos no volante. Entre as aplicações disponíveis está o serviço de ‘streaming’ de música Spotify.

Os últimos dados de vendas da Ford revelam uma elevada percentagem de tecnologias avançadas de assistência ao condutor escolhidas pelos clientes do Kuga: cerca de um terço dos veículos foram vendidos com Câmara de Visão Traseira e mais de metade possuíam a tecnologia de Assistência Activa ao Estacionamento que auxilia os condutores a estacionarem em paralelo.

Para além do ‘Cruise Control’ com Limitador de Velocidade Ajustável que está incluído de série, o Kuga dispõe agora de ‘Cruise Control’ Adaptativo com Alerta Frontal, o qual permite avisar o condutor sempre que este se encontre demasiado próximo do veículo à sua frente. Outra tecnologia agora disponível de série é o Sistema de Monitorização da Pressão dos Pneus que alerta caso algum dos pneus sofra uma perda de pressão significativa durante uma viagem. Outras tecnologias disponíveis incluem a Abertura em Mãos-Livres da Bagageira, Sistema de Informação de Ângulo Morto, Travagem Activa em Cidade, Ajuda à Manutenção de Faixa, Alerta de Manutenção de Faixa, Faróis Máximos Automáticos, Alerta ao Condutor e Reconhecimento de Sinais de Trânsito.

O Kuga está agora disponível com novas cores como a ‘Ruby Red’, ‘Magnetic’ e pela primeira vez num veículo Ford, a ‘Tiger Eye’, todas elas metalizadas, bem como com uma nova cor clara interior, a ‘Medium Light Stone’. Em opção existe ainda um kit de carroçaria que realça a aparência do veículo ainda mais.

As vendas do Kuga na Europa cresceram 33 por cento* (2014 vs 2013) nos primeiros nove meses de 2014. Desde Janeiro a Setembro, a Ford comercializou mais de 63,000 Kuga nos 20 principais mercados europeus,** contra os 47,600 no mesmo período de 2013. Este resultado contribuiu para um aumento de 20 por cento da quota do Kuga no segmento dos SUV de dimensão média que passou a ser de 8,3 por cento, contra os 6,9 por cento entre Janeiro e Agosto de 2014.

Desde o lançamento do novo kuga na Europa em 2012, mais de 200.000 veículos foram produzidos nas fábricas da Ford em Valência, Espanha e Elabuga, Rússia. Além disso, as vendas do Kuga na Rússia aumentaram 97 por cento em relação ao ano anterior, durante o período de 12 meses, entre Outubro 2013 e Setembro 2014.

A expansão da gama SUV da Ford na Europa já conta com o novo EcoSport e, no próximo ano, incluirá também o carismático, espaçoso e inteligente Ford Edge.

 

Ford Kuga – Novo Motores

MotorTransmissãoPotênciaCO2-combinado**Melhoria CO2vs motor anterior
1.5 EcoBoostManual 4X2150 cv143 g/km7.1 % (11 g/km)
1.5 EcoBoostAuto Integral182 cv171 g/km4.5 % (8 g/km)
2.0 Duratorq TDCiManual 4X2120 cv122 g/km12.2 % (17 g/km)
2.0 Duratorq TDCiManual 4X2150 cv122 g/km12.2 % (17 g/km)
2.0 Duratorq TDCiManual Integral150 cv135 g/km9.4 % (14 g/km)
2.0 Duratorq TDCiPowerShift Integral150 cv140 g/km11.9 % (19 g/km)
2.0 Duratorq TDCiManual Integral180 cv135 g/km9.4 % (14 g/km)
2.0 Duratorq TDCiPowerShift Integral180 cv140 g/km11.9 % (19 g/km)

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts