anexo_839519_preview

Jovem: tens entre 10 a 23 anos e um talento especial? Então este Concurso Jovens Inspiradores é para ti!

Músicos, desportistas, bons alunos, artistas plásticos, empreendedores, com talentos especiais… todos são bem vindos a esplanar as suas ideias, criações e projectos até 23 de Março.

Pelo terceiro ano consecutivo, a Associação Portuguesa de Famílias Numerosas, em parceria com a Staples, promove o Concurso Jovens Inspiradoresque pretende incentivar e premiar os jovens que se destacam nas áreas escolar, social, musical, desportivo, cultural, artes plásticas, empreendedorismo ou outras. Para concorrer, só precisam enviar um texto com 250 palavras que explique a razão por que pode ser considerado um jovem que inspira.

As candidaturas, até final 23 de Março, podem ser feitas no site www.apfn.com.pt/jovensinspiradores) e em Abril serão anunciados os vencedores, numa cerimónia com a presença de várias personalidades também elas, inspiradoras.

As edições passadas foram um sucesso, e num momento em que Portugal precisa mais que nunca de positivismo, a Associação Portuguesa de Famílias Numerosas (APFN) em conjunto com a Staples voltam a lançar esta iniciativa.

De acordo com Ana Cid, secretária-geral da APFN, “a nossa sociedade precisa muito de Jovens Inspiradores, jovens trabalhadores e empenhados que sabem e acreditam que podem ir mais além. Para nós, são também jovens que investem em várias vertentes das suas vidas. Não são jovens perfeitos mas são jovens que aspiram a algo maior, desbravando limites e que trabalham nesse sentido.”

Os finalistas serão selecionados por um júri a anunciar em breve, e, no dia 5 de Abril, dia entrega de prémios, uma pequena entrevista individual com os jurados irá decidir quais os três Jovens Inspiradores 2014. Os prémios são oferecidos pela Staples, um por cada categoria de idades: Mini iPad (10 – 13 anos), um Smartphone Samsung (14 – 17 anos) e um Portátil Toshiba (18 – 23 anos).

 

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *