A TomTom acaba de anunciar o lançamento de um inovador serviço de análise de Origem-Destino (O/D), que permite fazer um planeamento das cidades e ajudar a diminuir os congestionamentos de trânsito.

A Análise O/D oferece ferramentas importantes para garantir que os cidadãos são bem servidos pelas infra-estruturas à sua volta.

Este novo combina tecnologia avançada com uma visualização optimizada dos dados, oferecendo insights valiosos para quem faz planeamento urbano e de infra-estruturas.

Torna-se assim possível observar quais as rotas preferidas dos condutores e as suas tendências de comportamento na estrada, determinando quais as áreas de uma determinada cidade onde poderá ser necessário infra-estruturas, informação e sinalética adicional ou novas opções de estacionamento, assim como os locais estratégicos onde poderá ser colocada publicidade direccionada para um determinado target.

A nossa Análise Origem-Destino vai permitir às cidades atacar o tema do trânsito pela raiz.

Ao compreender a procura e os padrões de todos os veículos que circulam na estrada, é possível planear com mais precisão uma infra-estrutura de transportes públicos e, com isso, melhorar a harmonia entre diferentes modos de transporte”, refere Ralf-Peter Schaefer, VP de Traffic and Travel Information da TomTom.

O serviço de Análise Origem-Destino faz parte do TomTom Move, um site que fornece estatísticas de trânsito anónimas, Análise O/D e Route Monitoring.

Serviços que ajudam as cidades a saberem mais sobre a densidade do trânsito, a sua circulação e dinâmicas, assim como descobrirem quais os locais de congestionamento mais problemáticos.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Add comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Analista ao volante do novo Mercedes Classe A

Análises – reviews

Breves

Siga o Xá das 5, um blogue de João Gata