Rapoo E6350 – ensaio

8 Design
8 Construção
9 Inovação
7 Qualidade
8 Factor X5
8

rapoo 2

Sou muito cioso com os teclados, pois teclo cerca de 10 horas por dia, quase todos os dias. É muito toque, muito dedilhar, muita pressão e, consequentemente, os teclados têm-me falhado por esta ou aquela razão, ao fim de um dia ou um ano de esforço.

O que mais saudades deixou foi o Apple Wireless Keyboard, que ainda se vende por aí a uns temíveis 79€. Aliás, deixei de o utilizar por causa de uma simples borra acesa de cigarro, que queimou uma única tecla e, pelo que pareceu, toda essa secção da board. Ainda o levei para São Paulo, onde vivi uns meses, mnas fui obrigado a comprar outro teclado. O Apple, que lá deveria custar o triplo do que cá, estava esgotado e não havia noção do novo carregamento. Depois de procurar, optei por um caríssimo Microsoft Arc, mesmo em brasileiro, e que sempre me forçou a usar o famoso ABNT2 com os computadores “portugueses”.

Admito que o Arc foi um excelente teclado e que ainda funciona, mas começou a acusar um certo lag o que proporcionou erros indevidos que me tiravam tempo. Está ali guardado na sua própria bolsa protectora até futuras aventuras.

Toda esta história para vos dizer que tenho usado equipamentos de uma marca que me tem servido perfeitamente. Fiquei fã no primeiro contacto e ensaio, tanto que pedi  um teclado para mim. Depois troquei por outro que tem, do lado direito e no lugar do teclado numérico físico, um trackpad (dupla função, numérico e rato) que me facilita a vida e é perfeito quando levo o computador e acessórios de um lado para o outro. Sem fios e sem stress.

Rapoo 4

Mas uma coisa é um teclado comum, com a dimensão normal, outra é um teclado indicado para acompanhar a nova vida profissional, ou seja, mobile. Caro leitor: é dos utilizadores que desesperam com o ínfimo teclado do smartphone que promove erros constantes? É também daqueles que comprou um tablet para “trabalhar” porque é bem mais leve do que um portátil mas já gastou dinheiro numa capa protectora e faz contas agora para lhe juntar um teclado externo?

Se ainda o não fez, atente a este teclado maravilha da Rapoo, marca que tem conseguido, nos últimos anos, criar uma legião de fãs que adoram escrever nos teclados slim com base em alumínio, num equilíbrio perfeito que tem ainda outra vantagem: as pilhas AA duram e duram e duram.

Este mini teclado Rapoo é perfeito para todos os sistemas operativos

A Rapoo pensou em todos os que não conseguem escrever com os indicadores nos vários ecrãs e lançou este super mini teclado Rapoo E6350.

rapoo 3

Poderão dizer “mas já existem mini teclados no mercado”, ao que respondo “não como este”. O E6350 tem a mesma qualidade de construção dos modelos tradicionais da marca, com a base em alumínio e teclado chiclete. É Super Slim (4,9mm) com peso pluma e tem ainda mais duas vantagens que valem, só por si, todo este destaque:

O E6350 é um teclado Bluetooth 3.0, perfeito para emparelhar com qualquer smartphone, tablet e até computadores que o permitam. Um botão liga e desliga o teclado que funciona com bateria interna (adeus pilhas) e que se recarrega por microUSB, com cada carga a durar dois meses de uso intensivo. Um minúsculo led azul mostra o estado do emparelhamento.

Finalmente, este Rapoo é compatível com todos os sistemas operativos: Mac iOS, OSX, Windows e Android.

Para quem, como eu, passa a vida a escrever, este Rapoo E6350 é, sem dúvida, a resposta para muitos dilemas, dúvidas e, em último grau, preces. Até eu, que nunca pensei em trabalhar com um tablet, coloco agora a possibilidade de começar a fazê-lo.

Só tem um defeito: um feeling plástico no dedilhar. logicamente que, devido às dimensões, não é ideal para dedos grossos, mas ele também foi pensado para ser muito leve e transportável. Podemos bem viver com isso.

Disponível em preto ou branco, pois também terá de fazer pendant com o equipamento que vai servir, custa em Portugal €39,99.

Tags from the story
,