BERG Cycles

A BERG Cycles apoia o lançamento da app “Lisboa Horizontal” com o objectivo facilitar a utilização de bicicleta como meio de transporte na cidade de Lisboa ao escolher percursos com a menor inclinação possível. Esta parceria enquadra-se na estratégia da marca de incentivo à melhoria da mobilidade urbana e de defesa do ambiente através da utilização da bicicleta, bem como de promoção de hábitos de vida saudáveis.

Diana Teixeira Pinto, directora de marketing da BERG Cycles, afirma: “A utilização da bicicleta como meio de transporte e de fruição da cidade tem vindo a crescer de forma exponencial, com benefícios a nível social e ambiental. Acreditamos que, criando as condições ideais, é possível continuar a aumentar o número de utilizadores de bicicleta na cidade. Por este motivo, a BERG Cycles associou-se ao lançamento da app ‘Lisboa Horizontal’, que vem facilitar a vida aos utilizadores de bicicleta na cidade de lisboa, ajudando-os na escolha do caminho mais eficiente nas suas deslocações”.

A app “LISBOA HORIZONTAL” é a primeira aplicação móvel de navegação GPS a fornecer rotas cicláveis “horizontais”, tendo em conta a inclinação dos percursos através de uma base de informação topográfica de elevada precisão.

Focada na navegação para ciclistas em áreas urbanas, calcula em tempo real os percursos mais planos, seguros e/ou curtos entre dois pontos dentro de uma cidade, tendo ainda em conta as infraestruturas para ciclistas existentes.

A iniciativa é também utilizada pela BERG Cycles para assinalar o Dia Europeu Sem Carros, que decorre no próximo dia 22 de setembro e pretende promover a utilização da bicicleta e outros transportes alternativos e sustentáveis nas deslocações dentro das cidades.

João Gata

Começou em vídeo e cinema, singrou em jornalismo, fez da publicidade a maior parte da vida, ainda editou discos e o primeiro dos livros e, porque o bicho fica sempre, juntou todas estas experiências num blogue.

View all posts

Analista ao volante do novo Mercedes Classe A

Análises – reviews

Breves

Siga o Xá das 5, um blogue de João Gata